David de Oliveira Lemes, Ph.D.

World of Warcraft e seu mundo paralelo

Pois é… este ano de 2007, tentei começar a escrever regularmente para outros sites e fui convidado gentilmente pelo pessoal do blog Sedentário. Contudo, como os inúmeros projetos, não consegui manter a regularidade. Quero tentar retomar isso em 2008. Enquanto as coisas se ajustam, publico aqui um trecho da coluna Tilt Zero.

Tilt Zero Sedentario

Todos os leitores do Sedentário, com certeza, já assistiram a pelo menos um dos filmes da trilogias dos irmãos Wachowski, os criadores da saga Matrix. Hoje em dia, com os jogos MMO (sigla em inglês para Massive Multiplayer Online) cada vez mais abarrotados de gente, podemos dizer que muita gente já vive na Matrix. E esta nova Matrix pode ter muitos nomes, como Second Life, Ragnarok, Tibia, Landmass, LotR Online: Shadows of Angmar, Last War, Gunbound, Mu Online e muitos outros… mas a Matrix, ou melhor, o MMO de maior sucesso no mundo é o World of Warcraft, da Blizzard, com aproximadamente 8,5 milhões de jogadores só nos servidores oficiais… isso sem contar os piratas.

E com tanta gente assim, não é de se causar espanto que as coisas estranhas acontecam neste gigantesco universo paralelo. Vamos começar pela mais recente: Tamara Broome, uma australiana de 31 anos começou a namorar com um garoto de 17 anos residente na Carolina do Norte, EUA. Os dois se conheceram em um servidor de WoW e namoravam or e-mail e até discutiam casamento. Resultado: ao viajar para os EUA para conhecer seu amado, Broome foi presa ao tentar embarcar um menor de idade e tentar levá-lo para a Austrália. Fico imaginando a cena: uma nerdinha e nerdão tentando fugir do país para jogar juntinhos, até que a morte os separe. Essas coisas me dão um pouco de medo. Será que as pessoas não conseguem ter uma vida normal?

Lançado em 1994, o Wow, como é conhecido, em breve estará nas telas do cinema. Anunciado em 2006, o filme baseado no universo de Elfos, Anões, Gnomos, Orcs, Trolls a mais um bando de seres da Blizzard será produzido pela Legendary Pictures, a mesma de 300 de Esparta e Batman Begins. No site oficial, a produra afirma que o filme está em produção. É aguarda para ver… e depois, jogar.

:: Continue lendo este texto lá no excelente blog Sedentário. Vale dar uma olhada nos comentários. Clique aqui.

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: